REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Archive for the ‘CATEDRAL’ Category

O Sermão da Montanha e a Sua Mensagem Infinita

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em junho 5, 2012

As Bem-Aventuranças

As Bem-aventuranças [2] são o anúncio da verdadeira felicidade, porque proclamam a verdadeira e plena libertação, e não o conformismo ou a alienação. Elas anunciam a vinda do Reino de Deus através da palavra e acção de Jesus, que tornam a justiça divina presente no mundo. A verdadeira justiça para aqueles que são inúteis, pobres ou incômodos para uma estrutura de sociedade baseada na riqueza que

explora e no poder que oprime. As Bem-aventuranças revela também o carácter das pessoas que pertencem ao Reino de Deus, exortando as pessoas a seguir este carácter exemplar.

Resumindo e usando as palavras do Catecismo da Igreja Católica (CIC), as bem-aventuranças nos ensinam o fim último ao qual Deus nos chama: o Reino de Deus, a visão de Deus, a participação na natureza divina, a vida eterna, a filiação divina, o repouso em Deus (CIC, n. 1726).

Cquote1.svg Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o Reino dos Céus! Bem-aventurados os que choram, porque serão consolados! Bem-aventurados os mansos, porque possuirão a terra! Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados! Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia! Bem-aventurados os puros de coração, porque verão Deus! Bem-aventurados os Defensores da Paz, porque serão chamados filhos de Deus! Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o Reino dos Céus! Bem-aventurados sereis quando vos caluniarem, quando vos perseguirem e disserem falsamente todo o mal contra vós por causa de Mim. Alegrai-vos e exultai, porque será grande a vossa recompensa nos céus, pois assim perseguiram os profetas que vieram antes de vós. Cquote2.svg

(Mateus, 5:3-12)

Continue lendo »

Posted in ESCRITURAS, Literatura, Novo testamento | Leave a Comment »

Fátima – Aparições contadas com hologramas, sons e odores

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em junho 4, 2012

Um novo espaço que recria as aparições da Virgem Maria aos três pastorinhos é inaugurado quarta-feira em Fátima, com conteúdos multimédia de última geração, recorrendo a hologramas, sons e odores.

O projeto, intitulado “O Milagre de Fátima”, teve um custo global de um milhão de euros, com comparticipação de 75 por cento por fundos comunitários, informou um dos investidores, David Catarino, acrescentando que a verba é “utilizada fundamentalmente em nova tecnologia”. “O Milagre de Fátima” quer receber cerca de 300 mil pessoas por ano, afirmou o empresário, que já foi presidente da Câmara de Ourém e da Região de Turismo de Leiria-Fátima.

A ideia passa por “oferecer um produto turístico de qualidade e de referência nacional no nosso país e com projeção a nível internacional”, referiu, explicando que, ” apesar da tecnologia já disponível, estava por fazer uma nova apresentação de Fátima nos momentos fundamentais da sua realidade como destino religioso”. O responsável pela parte tecnológica do projeto disse à Lusa que “o grande fator de diferenciação do projeto tem a ver com o valor imersivo”, já que “todas as soluções são altamente envolventes e todas elas combinam elementos digitais e reais”.

Luís Agrellos, da Oneway Gema, empresa especializada em aplicações interativas, explicou que os visitantes, em função do contexto histórico, “vão encontrar os cheiros que melhor descrevem o ambiente”. No espaço dedicado ao milagre do sol, o público vai ser convidado a experimentar um ambiente mais agreste, com vento e chuva, mas também calor e luz, “algo que vai sentir-se fisicamente, associado à animação que estão a ver”, esclareceu.

Já nas imagens dedicadas à I Guerra Mundial, uma das contextualizações históricas recriadas naquele espaço, o cheiro predominante será o da pólvora. “É uma experiência que quer apelar a todos os sentidos”, sublinhou Luís Agrellos. “O Milagre de Fátima” está dividido em duas partes. Uma dedicada a uma visita em grupo, outra de exploração individual dos conteúdos disponíveis.

O espaço está preparado para acolher, em simultâneo, três grupos de 20 pessoas, sendo que o tempo de duração de cada visita está estimado em 30/40 minutos. O projeto é da responsabilidade da empresa Pacis Vrbs, da qual são sócios, para além de David Catarino, o empresário Carlos Batista e outro ex-presidente da Região de Turismo Leiria-Fátima, Francisco Vieira. Lusa

Posted in RECOMENDADO | Leave a Comment »

Pedras no Caminho, Um Poema Atemporal

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em junho 4, 2012

 

Posted in Literatura, POESIAS | Leave a Comment »

A Verdadeira História de Sansão e Dalila

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em junho 3, 2012

Sansão, cujo nome significava “homem do sol”, era um nazareno dotado de extraordinária força. Era um dos juízes bíblicos cuja história está descrita no Livro dos Juízes (13-16) e no Novo Testamento (Hebreus 11,32). Conta-se que Deus terá chamado Sansão para libertar o povo de Israel que vivia dominado pelo Filisteus. Estes, que tinham um medo enorme da força do nazareno, tentavam sem sucesso prender Sansão.

Os governantes filisteus, sabendo da paixão de Sansão pela finisteia Dalila, aliciaram a jovem, com 1100 moedas de prata, a descobrir a origem da força invencível de Sansão. Dalila amava Sansão, mas este amor era inferior ao que sentia pelo seu povo. Com o seu grande poder de sedução, Dalila tentou não só desvendar de Sansão o segredo da sua força, como também arranjar uma forma para que ele fosse dominado pelos finisteus.

Primeiramente, Sansão disse-lhe que ficaria vulnerável como qualquer outro homem, se o amarrassem com sete fibras novas de arco que não tivessem sido secas. Dalila atou Sansão com as sete fibras, durante o sono mas, quando os Filisteus chegaram para o levar, ele arrancou as fibras sem dificuldade. À segunda tentativa de Dalila, Sansão disse-lhe que seria, facilmente, dominado se fosse amarrado por cordas novas, mas também destas se libertou, sem custo, quando chegaram os Filisteus.

A terceira versão de Sansão foi tão falsa como as duas anteriores, pois quando Dalila teceu as sete madeixas do cabelo de Sansão com uma rede e as apertou com um gancho, durante o sono de Sansão, este voltou a libertar-se facilmente. Foi então que Dalila (não se sabe através de que artes) conseguiu saber o segredo da força de Sansão. Este disse-lhe que, se os seus cabelos fossem cortados, a sua força abandoná-lo-ia e ficaria fraco como uma criança. Sansão adormeceu no colo de Dalila e esta, suavemente, cortou-lhe os caracóis dos cabelos.

Acordado pela chegada dos Filisteus, Sansão acreditava ainda ter força, mas foi rapidamente dominado pelos soldados, que lhe perfuraram os olhos e o prenderam com algemas de bronze. Sansão foi exposto e humilhado, publicamente, no caminho do templo de Dagôn, onde foi amarrado aos dois pilares que sustentavam o enorme edifício.

A população juntou-se aos milhares para ver a derrota de Sansão e este, num último esforço, pediu a Deus que lhe devolvesse a força, por instantes. Foi, então, que Sansão, heroicamente, fez ruir os pilares, causando a destruição do templo e, consequentemente, a morte dos Filisteus, de Dalila e do próprio Sansão. ver definição de população… Infopédia

Posted in Literatura, RECOMENDADO | Leave a Comment »

 
%d blogueiros gostam disto: