REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Levantamento do GLOBO mostra quem é o eleitor médio de Dilma, Aécio e Marina

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em agosto 24, 2014

Saiba quais setores da sociedade e regiões do país são mais fortes os três principais candidatos à Presidência

RIO, DEMERVAL LOBÃO (PI) E SÃO PAULO – Com base na pesquisa de intenções de voto mais recente do Datafolha, levantamento do GLOBO aponta em quais setores da sociedade e regiões do país são mais fortes os três principais candidatos à Presidência: Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PSB) e Aécio Neves (PSDB). (Confira o infográfico: o perfil dos eleitores)

DILMA ROUSSEFF (PT)

O lavrador aposentado Ângelo Rodrigues vive com a mulher em Demerval Lobão, no interior do Piauí. Segundo ele, eleitor de Dilma, a construção de casas e as obras de infraestrutura aumentaram a oferta de empregos e incrementaram a renda no município.

— A qualidade de vida melhorou muito porque hoje tem serviço. Antes, os trabalhadores tinham que abandonar a família e ir para São Paulo — diz.

O metalúrgico Edmílson de Sousa, que mora na mesma cidade, é outro entusiasta das gestões petistas.

— Ter um trabalho que garanta o sustento da família é muito importante. A gente não tinha isso nos governos anteriores — critica.

Claudemir Lima de Sousa, 42 anos, é o eleitor médio de Dilma – Efrém Ribeiro

Em Lagoa do Piauí, o comerciante Claudemir Lima está reticente, mas diz que vai votar em Dilma por “falta de uma alternativa melhor”:

— Em uma cidade pequena como a nossa, todos têm moto ou carro. Os banco deram mais crédito para os pobres.

Já a diarista Margareth Barbosa, moradora de Duque de Caxias, região metropolitana do Rio, diz que vai votar em Dilma porque a vida de sua família melhorou nos últimos anos.

— Consegui comprar televisão, sofá e geladeira. Meu marido arrumou emprego e meu filho também está trabalhando — conta.

Para o cientista político Ricardo Ismael, da PUC-Rio, as ações que propiciaram transferência de renda são fatores que explicam a força de Dilma nas regiões Norte e Nordeste e nas parcelas menos escolarizadas e com renda mais baixa.

— São eleitores bastante influenciados pelo Bolsa Família e pelo aumento do salário mínimo — explica.

AÉCIO NEVES (PSDB)

Luiz Piu Borges vota no Aécio – Adriana Lorete / Agência O Globo

O eleitorado de Aécio Neves (PSDB) é predominantemente masculino, com renda familiar mensal acima de dez salários mínimos e ensino superior completo. Entre os eleitores do ex-governador de Minas Gerais, sobram críticas aos episódios de corrupção, como o mensalão, ao inchaço da máquina do Estado e à longa permanência do PT no governo federal.

— É um partido que ocupa todos os cargos. A continuidade deste modelo é um perigo — opina o professor universitário Luiz Pio Borges.

O empresário Antônio Carlos de Almeida defende a eleição de Aécio para a “preservação das instituições democráticas”.

— Não sou contra o PT, mas há um desastre administrativo neste governo.

O empresário João Júlio Caesar faz coro:

— É preciso acabar com esses cabides de emprego e ter uma administração enxuta, como nos anos 90. Sou a favor da meritocracia, e esse aparelhamento me incomoda demais — ressalta.

Para o aposentado Armando Baptista, a eleição de Aécio é necessária para corrigir os rumos da economia.

— Ele vai incentivar a produção e investir no que realmente gera riqueza e trabalho.

Segundo o cientista politico Antônio Testa, da UNB, Aécio angaria apoio nestas parcelas do eleitorado por se colocar objetivamente em oposição à Dilma. Já o cientista político Carlos Pereira, da FGV, acredita em um potencial de crescimento.

— Ele pode conquistar o voto feminino, estrato em que ele tem um índice baixo de apoio — avalia Pereira, que prevê uma eleição muito competitiva.

MARINA SILVA (PSB)

Maria Luisa Azevedo vota na Marina – Adriana Lorete / Agência O Globo

A candidata do PSB à Presidência, Marina Silva, alcança seus melhores índices entre os eleitores mais jovens e nos centros urbanos das regiões Sudeste e Centro-Oeste.

Aos 17 anos, a estudante Maria Luisa Azevedo, moradora do Rio, diz que o “discurso de Dilma não convence” e acha que Aécio Neves pode privatizar empresas públicas, prática com a qual ela não concorda. Maria Luisa se interessou pelas propostas de Eduardo Campos, morto em um acidente de avião, e vai levar o voto para Marina.

— O Brasil e o mundo precisam de alguém que fale em sustentabilidade — define.

O universitário Pablo Alves, de 21 anos, votou na ex-senadora em 2010 e pretende repetir a escolha.

— Ela fala da ética da questão ambiental. Acho o governo da Dilma muito assistencialista — diz ele, morador do Rio.

A jornalista Debora Baez também destaca a firmeza da candidata do PSB quando o assunto é sustentabilidade.

— Ela saiu do PT e do PV por não concordar com a falta de clareza no discurso ambiental.

Já a universitária Gabriela Barbosa, que mora em São Paulo, acredita que Marina representa a “verdadeira mudança na política”.

— Ela rompeu com o PT porque discordava das práticas adotadas — diz, sobre saída de Marina do partido.

Segundo o cientista político Antônio Testa, da UNB, o discurso sobre meio ambiente tem uma boa aceitação na juventude urbana.

— A Marina se comunica bem quando cita essa nova visão de mundo, comprometida com a economia verde — avalia. Efrém Ribeiro, Marco Grillo e Nilson Hernandes Read more: http://oglobo.globo.com/brasil/levantamento-do-globo-mostra-quem-o-eleitor-medio-de-dilma-aecio-marina-13711427#ixzz3BKIY4GzD

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: