REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

EUA – 69 Anos Sem Julgamento Por Crimes de Guerra

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em agosto 9, 2014

Nagasaki defende pacifismo no 69.º anos da bomba

Nagasaki defende pacifismo no 69.º anos da bomba
Fotografia © Reuters

A cidade japonesa de Nagasaki assinalou hoje o 69.º aniversário do bombardeamento atómico que sofreu em 1945, numa cerimónia em que foi defendido o carácter pacifista da Constituição nipónica, depois da polémica reinterpretação da “magna carta” pelo Governo.

A cerimónia anual começou às 11:02 (03:02 em Lisboa), momento exato em que a bomba “Fat man” foi lançada sobre a cidade há 69 anos, três dias depois do bombardeamento de Hiroshima. Milhares de pessoas cumpriram, no Parque da Paz em Nagasaki, um minuto de silêncio em honra das vítimas da bomba.

O engenho, lançado sobre o vale, que concentrava no norte da cidade portuária, grande parte do seu tecido industrial causou a morte imediata de cerca de 74.000 pessoas, tendo a radiação emitida levado à morte de milhares de outras nos anos seguintes. No seu discurso, o presidente da câmara de Nagasaki, Tomihisa Taue, pediu ao Governo central nipónico para prosseguir os esforços com a comunidade internacional para evitar a proliferação nuclear, e criticou a revisão da Constituição impulsionada pelo primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe.

“O artigo incluído na Constituição, segundo o qual o nosso país deve renunciar à guerra é o princípio fundador do Japão do pós-guerra e de Nagasaki, um estado e uma cidade que sofreram a bomba atómica”, disse Taue perante o primeiro-ministro que assistia à cerimónia. No início de julho, o Governo nipónico aprovou, entre fortes protestos, uma alteração histórica da sua Constituição pacifista, que visa dar ao Japão um papel muito mais ativo internacionalmente, aumentando o seu perfil militar. Na cerimónia de hoje estiveram representantes de meia centena de países, incluindo de potências nucleares, como os Estados Unidos, Reino Unido, França, Rússia, e China, além de representantes da União Europeia. Lusahttp://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=4071303&seccao=%C1sia&page=-1

 

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: