REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Archive for 13 de julho de 2014

Loucura, milagre, desculpa: jornais alemães tentam descrever goleada

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em julho 13, 2014

Capas das publicações desta quarta-feira mostram que goleada inédita também foi recebida com surpresa na Alemanha

Capas jornais Alemães  (Foto: Reprodução )Jornal alemão pede desculpa por goleada histórica (Foto: Reprodução )

Massacre, humilhação, loucura, milagre. Essas foram algumas das palavras mais usadas pela imprensa alemã para estampar as capas dos jornais nesta quarta-feira, dia seguinte à histórica goleada por 7 a 1 sobre o Brasil, em Belo Horizonte, pelas semifinais da Copa do Mundo do Brasil. Com fotos das comemorações dos jogadores, os periódicos locais mostram que o elástico placar não surpreendeu só aos brasileiros, e os alemães tiveram certa dificuldade para encontrar palavras que descrevessem o feito dessa terça-feira.

O periódico “Bild” nem tentou explicar o que para eles é inexplicável e estampou em sua capa: ‘Sem palavras’. O “Berlin Grösste” expressa o sentimento de muitos dos germânicos, que, na Copa de 2006 sofreram dolorosa eliminação em casa para a Itália, na semifinal: “Desculpe”. O “Berliner Kurier”, ou “Correio de Berlim”, classificou o jogo como histórico e avisou na manchete principal “Compre este jornal para os seus netos!”.

Algumas publicações, como o “Berliner Morgenpost”, chamaram o feito alemão de “O milagre de Belo Horizonte”. O jornal ilustrou a capa com fotos dos sete gols. O “NZ” apostou na manchete “Loucura brilhante”. O “Fürther” afirma: “Alemanha encanta o mundo do futebol”, enquanto o “Neueste Nachrichten” diz: “Desencantou rumo à final”. O “Neue Presse” destacou o uniforme inspirado nas cores do Flamengo: “Vermelho e preto galáctico”. E o “Landes-Zeitung” chamou a goleada alemã de “Fenomenal”, talvez em referência ao feito de Ronaldo na vitória brasileira sobre a Alemanha em 2002.

montagem - capas de jornais alemanha (Foto: Editoria de Arte)Jornais locais exaltam goleada alemã e humilhação brasileira (Foto: Editoria de Arte)

Já outros jornais preferiram dar ênfase à humilhação sofrida pelos donos da casa. O “Heilbronner Stimme” estampou: “Alemanha humilha o Brasil”, e o “Nürtinger Zeitung” apostou na chamada “Meninos de Joachim Löw afundam o Brasil”. Com a vitória sobre os anfitriões, a Alemanha agora espera o vencedor do duelo entre Argentina e Holanda, às 17h desta quarta-feira, para conhecer seu adversário na decisão do dia 13, no Maracanã. GloboEsporte.com – http://globoesporte.globo.com/futebol/selecoes/alemanha/noticia/2014/07/loucura-milagre-humilhacao-jornais-alemaes-exaltam-7-1-sobre-o-brasil.html

Capas jornais Alemães  (Foto: Reprodução )“Bild” aposta na manchete “Sem palavras” (Foto: Reprodução )

Posted in COMPETIÇÕES, Futebol | Leave a Comment »

Deus Agora é Alemão!

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em julho 13, 2014

Der vierte Stern ist da! Mario Götze (r.) schoss die deutsche Elf in der Verlängerung zum WM-Titel!

Gol na prorrogação dá o tetra para Alemanha

Posted in COMPETIÇÕES, Futebol | Leave a Comment »

Policiais militares usam bombas de gás lacrimogêneo contra manifestantes na Tijuca

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em julho 13, 2014

Cavalaria da PM avançou sobre o grupo, na Praça Saens Peña. Pelo menos nove pessoas foram detidas e uma ficou ferida no confronto

PMs fazem cordão de isolamento durante protesto na Tijuca – Fabio Rossi / Agência O Globo

RIO — Depois de bloqueio policial que durou mais de três horas, o protesto de manifestantes contra a Copa do Mundo que acontecia na Praça Saens Peña, na Tijuca, dissipou-se, mas o bloqueio policial continua. Em um dos bares que está dentro da área bloqueada, manifestantes e policiais acabaram se reunindo para assisitr à partida final, entre Argentina e Alemanha, por volta das 18h30m. Mais cedo, manifestantes entraram em confronto com policiais militares na tarde deste domingo na praça. Bombas de gás lacrimogêneo foram lançadas contra o grupo, de cerca de 200 pessoas.

Os PMs cercaram todas as vias de acesso à Saens Peña, e ninguém conseguia sair nem entrar na região. Quem tentava furar o bloqueio era impedido com bombas. Durante o confronto, a cavalaria da PM chegou a avançar sobre manifestantes, que levaram golpes de cassetete. Segundo advogados do grupo Habeas Corpus, oito pessoas foram detidas e levadas para a 21ª DP (Bonsucesso) e pelo menos uma, para a 19ª DP (Tijuca). A Rua Conde de Bonfim, principal via do bairro, ficou fechada até por volta das 19h, assim como os acesso à estação Saens Peña do metrô, que reabriu por volta das 18h45m, depois de quase três horas de portões cerrados. Segundo a concessionária Metrô Rio, isso aconteceu por medida de segurança, mas muitos passageiros reclamaram de terem ficado presos lá dentro.

Veja imagens do conflito

 

Manifestantes passam pela Rua Conde de Bofim – Reprodução

 

AÇÃO DA PM É CRITICADA

As barreiras montadas pela PM ao redor da Praça Saens Pena foi criticada por moradores, como Celso Jorge Santos, que não conseguiu passar pela Rua Conde de Bonfim para ir para casa:

— A polícia não me deixou ir para casa. Deveriam pensar na dispersão da passeata – disse.

O enfermeiro Cleiton Avelar estava passando pelo bairro e não conseguiu terminar o percurso até sua casa, no Grajaú.

— Estou há mais de uma hora tentando ir pra casa. Já tentei passar por sete barreiras e nada. Acho isso ridículo, o Maracanã é lá do outro lado, e todas as ruas de saída da Tijuca estão bloqueadas — reclamou.

Convocada pelas redes sociais, a manifestação foi organizada pelo movimento “Nossa Copa É Na Rua”. Os ativistas carregavam faixas, com frases contra a Copa do Mundo, em português e inglês, além de bandeiras vermelhas de movimentos de esquerda e até uma da Palestina. Numa delas estava escrito “Copa de sangue”. Além de gritar palavras de ordem, o grupo distribuía folhetos com reivindicações.

Muitos jornalistas, inclusive estrangeiros, acompanhavam o ato, além de representantes da mídia alternativa. O ativista Felipe Peçanha, da Midia Ninja, contou ter sido espancado por um grupo de PMs.

— Todos os policiais aqui estavam rindo de forma sádica das pessoas sendo agredidas. Eu não fiz nada de errado, só estou transmitindo o ato por um celular, e fui espancado, no chão, por oito PMs — afirma Felipe.

QUATRO DETIDOS E UM FOTÓGRAFO FERIDO

Segundo a PM, quatro pessoas foram detidas. Todas foram encaminhados para 21ª DP (Bonsucesso). Entre os feridos está o fotógrafo Loldano da Silva, que foi atingido por dois golpes de cassetete no braço esquerdo. Ele foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Tijuca. De lá, levado para o Hospital municipal Souza Aguiar, no Centro, onde realizou uma radiografia. Ele estima que pelo menos outras quatro pessoas feridas na manifestação estejam no hospital.

Por causa da interdição na Conde de Bonfim, ruas como a Heitor Beltrão, a General Roca e a Pinto de Figueiredo tiveram o trânsito interrompido. O tráfego ficou complicado na região. Bruno Amorim e Emanuel Alencar – http://oglobo.globo.com/rio/policiais-militares-usam-bombas-de-gas-lacrimogeneo-contra-manifestantes-na-tijuca-13241035

Pela manhã, manifestantes passaram pela Rua São Francisco Xavier – Reprodução

Polícia dispersa manifestação junto ao Estádio do Maracanã

Polícia dispersa manifestação junto ao Estádio do Maracanã
Fotografia © REUTERS/Marco Bello

A polícia brasileira utilizou gás lacrimogéneo para dispersar cerca de 300 pessoas que se manifestam contra o Campeonato do Mundo junto ao Estádio do Maracanã onde se vai disputar a final do mundial.

De acordo com a AFP, os manifestantes protestam no Rio de Janeiro contra o dinheiro usado na organização da Copa do Mundo em detrimento da falta de investimento nos setores da Educação e da Saúde. A carga da polícia registou-se na altura em que os manifestantes tentavam romper o cordão de segurança junto ao estádio de futebol. Pelo menos uma pessoa foi detida hoje, somando-se à detenção, no sábado, de 19 pessoas que foram acusadas de “atos de vandalismo”, em manifestações de protesto pela situação social no Brasil.

Na manifestação perto do Estádio onde vai decorrer a final entre as seleções da Alemanha e da Argentina, há cartazes com as inscrições: “Libertem os prisioneiros, ditadura nunca mais” e “Podem chamar-me Neymar e tratar-me da minha saúde”, em referência ao jogador de futebol lesionado durante os jogos do campeonato. “A Copa está a chegar ao fim mas os problemas vão continuar”, disse à AFP Erin Morais, um manifestante que vestia um disfarce de Batman, antes da carga da polícia. “O motivo principal porque estamos aqui é porque precisamos de melhorar os nossos serviços públicos, as debilidades do nosso sistema de educação, de saúde e de segurança”, acrescentou o manifestante. Lusa – http://www.dn.pt/desporto/interior.aspx?content_id=4024722&page=-1

Posted in COMPETIÇÕES, Futebol | Leave a Comment »

Alemanha vence Argentina na prorrogação, é tetracampeã mundial e consagra geração

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em julho 13, 2014

Reuters

Gotze marcou o primeiro gol do jogo na prorrogação

Gotze marcou o primeiro gol do jogo na prorrogação

O time estrangeiro mais brasileiro da Copa de 2014 agora tem também o título que um dia o Brasil se orgulhou de dizer que tinha: o melhor futebol do mundo. Hoje, o melhor futebol do mundo é da Alemanha, que deu uma verdadeira aula de futebol. A consagração de uma geração brilhante e de um trabalho sério de anos aconteceu neste domingo, com vitória sobre a Argentina na prorrogação, por 1 a 0, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Com gol do garoto Götze, os alemães conquistaram o tetracampeonato mundial, repetindo os feitos de 1954, 1974 e 1990.

O título nos gramados brasileiros premia com justiça e coloca para sempre na história uma equipe que soube unir jogadores experientes como Lahm, Schweinsteiger e Klose, com mais jovens como Kroos, Hummels, Özil e Götze, sob o comando do técnico Joachim Löw. Um trabalho que começou com um aprendizado de erros do passado, passou por derrotas nas últimas três Copas e três Eurocopas, mas que, com insistência, acabou dando resultado agora.

 

Na final deste domingo, o melhor time do mundo teve dificuldades para superar uma Argentina guerreira, sólida defensivamente e que conta Messi, eleito o quatro vezes o melhor jogador do mundo. Higuaín desperdiçou chance incrível de gol no início, a Alemanha teve paciência, tocou bem a bola até conseguir o gol no tempo extra.

No final, a festa nas arquibancadas do Maracanã foi alemã e, claro, também brasileira, para a tristeza dos milhares de barulhentos torcedores aregntinos. O gol do título saiu aos 7 minutos do segundo tempo da prorrogação, com Götze, que tinha deixado o banco de reservas e substituiu Klose. Aos 22 anos, o meia do Bayern de Munique vira símbolo de uma eficiente renovação alemã.

Na campanha do tetra, a Alemanha estreou com vitória sobre Portugal por 4 a 0, empatou com Gana por 2 a 2 e venceu os Estados Unidos por 1 a 0 na primeira fase. Nas oitavas, bateu a Argélia na prorrogação por 2 a 1, fez 1 a 0 na França nas quartas e humilhou o Brasil com uma goleada por 7 a 1 na semifinal, antes de ganhar da Argentina na final.

Getty

Gotze vibra após marcar o gol que deu o tetracampeonato à Alemanha
Gotze vibra após marcar o gol que deu o tetracampeonato à Alemanha

O jogo – Foi a Alemanha que dominou a posse de bola desde o início do jogo, mas era a Argentina que parecia ter o controle mental da partida. Desta forma o equilíbrio das ações ofensivas tornava o jogo imprevisível. Os argentinos não contaram com Di María, que não se recuperou totalmente de lesão na coxa, e os alemães tiveram o desfalque de Khedira. Jogaran Enzo Pérez e Kramer, respectivamente.

Perigosa desde os primeiros minutos, a seleção argentina só não abriu o placar por causa da falta de pontaria de Higuaín. O atacante errou o alvo em duas chances que teve, sendo que na segunda perdeu um gol inacreditável, quando estava cara a cara com o goleiro Neuer após recuo de bola errado de Kroos.

Aos 29 minutos, quando Higuaín acertou o pé e chegou a balançar as redes, a arbitragem corretamente anulou a jogada apontando impedimento depois do cruzamento de Lavezzi. Bem marcado, mas bastante participativo, o craque Messi também teve a sua oportunidade, mas Neuer salvou.

Messi lamenta na final da Copa do Mundo contra a Alemanha

Messi lamenta na final da Copa do Mundo contra a Alemanha

O jogo era bom e, apesar dos sul-americanos terem assustado primeiro, a Alemanha respondeu à altura. Com uma envolvente troca de passes, os europeus aos poucos foram conseguindo espaço para chegarem próximos da área adversária. E não faltou ousadia. Quando o time perdeu o volante Kramer machucado, o técnico Joachim Löw colocou em campo o atacante Schurrle.

E foi o próprio Schurrle quem exigiu a primeira grande defesa do goleiro Romero, que na sequência ainda pegou chute de Kroos. Antes do intervalo, Höwedes ainda cabeceou uma bola na trave para deixar o duelo ainda mais emocionante.

Para o segundo tempo, o técnico argentino Alejandro Sabella trocou Lavezzi por Agüero.Logo aos 2 minutos, Messi teve boa chance de abrir o placar, mas a bola saiu raspando a trave.Depois disso, porém, a Argentina não conseguiu manter o bom nível ofensivo de antes.

Sem Lavezzi para ajudar na marcação, a Alemanha conseguiu se impôr no meio-campo. Faltava, no entanto, encaixar um bom lance para tirar o zero do placar. Ôzil tentou, mas no melhor deles, Kroos não conseguiu finalizar bem. Sólida na defesa, a Argentina tentava voltar a levar perigo no ataque, Messi insistia, fazia fila de dribles nos marcadores, mas não conseguia passar por todos.

Sabella fez mais duas mudanças. Primeiro, tirou Higuaín para e entrada de Palacio, e depois colocou Gago no lugar de Pérez. Do outro lado, Löw susbstituiu Klose por Gotze, mas o 0 a 0 permaneceu ao final dos 90 minutos.

Em mais 30 minutos de prorrogação, a precaução defensiva falou mais alto do que a ousadia ofensiva. A decisão parecia que ia para os pênaltis, mas aos 7 minutos do segundo tempo, Götze aproveitou cruzamento de Schurrle, matou no peito e chutou cruzado para estufar as redes: Alemanha tetracampeã do mundo. Campeã dentro de campo e também fora dele, com muita simpatia e carisma em território brasileiro. http://espn.uol.com.br/noticia/423555_alemanha-vence-argentina-na-prorrogacao-e-tetracampea-mundial-e-consagra-geracao

Vaias e xingamentos a Dilma marcam cerimônia de entrega de taça

240 ebab80fe 6e03 3278 82fd ca0f11297d05

Alemanha repete Brasil e Itália: a espera pelo tetra por 24 anos

240 7b4d85af 09b5 33df acee ba0978084da5

Judas, Gotze volta a fazer torcedor do Dortmund sorrir e põe Alemanha no topo do mundo

240 c8913696 0dfd 3658 b04a 760d717c7f86

Após título ‘inacreditável’, Lahm celebra conjunto alemão: ‘O que importa é o time’

240 b23d5af3 1db0 37dd afd4 65380bbe44d4

Neuer lembra de ‘cortados’ e diz: ‘Nossa comemoração vai durar cinco semanas’

240 59cec6a6 0bf0 3f0c 8e04 1ebcff5aa9dbMascherano fala em dor para a vida toda e cita falta de ‘gotinha de sorte’

Posted in COMPETIÇÕES, Futebol | Leave a Comment »

 
%d blogueiros gostam disto: