REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Snowden faz perguntas a Putin em programa de televisão

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em abril 17, 2014

Snowden faz perguntas a Putin em programa de televisãofoto SERGEI KARPUKHIN/Reuters

Snowde numa inesperada intervenção na televisão

O ex-consultor da Agência de Segurança nacional dos Estados Unidos, Edward Snowden, refugiado na Rússia, fez uma inesperada intervenção na sessão anual de perguntas-respostas do Presidente russo Vladimir Putin, interrogando-o sobre a vigilância em vigor no país.

Quando a sessão, difundida pelo Pervyi Kanal, já se prolongava por duas horas, a apresentadora do programa anunciou uma pergunta “inesperada, mesmo sensacional, de uma pessoa que efetuou uma verdadeira revolução da informação”. “É exatamente disso que precisamos”, ironizou de imediato Vladimir Putin, antes de surgir o antigo consultor da NSA, na origem de numerosas revelações sobre o sistema de vigilância dos Estados Unidos, e que se refugiou na Rússia. “Gostaria de vos perguntar: A Rússia interceta, armazena ou analisa de alguma forma as comunicações de milhões de indivíduos?”, questionou, ao surgir no ecrã. O Presidente russo pareceu surpreendido com a pergunta, em inglês, e quando não dispunha de tradução simultânea. “O inglês americano é um pouco diferente”, comentou, ao aguardar que o apresentador, hesitante, repetisse a questão em russo.

“Caro senhor Swoden, sois um antigo agente, eu tive ligações com os serviços de informações, e assim vou exprimir-me na linguagem dos profissionais”, declarou o líder do Kremlin, antigo membro do KGB soviético, sob os aplausos do público. “Temos um estrito regulamento jurídico relacionado com a utilização pelos serviços especiais destes meios, designadamente escutas telefónicas e vigilância na internet”, explicou. “É por isso que não pode existir [uma vigilância] massiva e cega”, afirmou. “Espero verdadeiramente que nunca o permitamos. Para mais, não possuímos nem meios materiais nem dinheiro como os Estados Unidos” para o fazer, prosseguiu. No entanto, Putin precisou que os serviços especiais utilizam “meios modernos apropriados” para vigiar “os criminosos, incluindo os terroristas”.

Acusado de espionagem por Washington, o norte-americano, que está na origem de numerosas revelações sobre a NSA, obteve em agosto o estatuto de refugiado político na Rússia durante um ano, após ter passado mais de um mês na zona de trânsito do aeroporto Moscovo- Cheremetievo. O ex-analista da NSA, a quem as autoridades dos Estados Unidos retiraram o passaporte, não fazia qualquer aparição pública desde a obtenção do asilo na Rússia. No decurso da emissão televisiva que se prolongou por quase quatro horas, os russos podiam colocar as suas questões ao enviarem vídeos através das aplicações telefónicas. Edward Snowden “descobriu que existia uma linha direta com o Presidente e registou a sua pergunta. Sabe como navegar em segurança na internet”, explicou o seu advogado, Anatoli Koutcherena, citado pela agência noticiosa russa Ria Novosti. http://www.jn.pt/PaginaInicial/Mundo/Interior.aspx?content_id=3819043&page=-1

“Não tenho medo da NATO”, garante Putin

Pró-russos do leste da Ucrânia assistem à conferência de imprensa do Presidente russo Vladimir Putin
Pró-russos do leste da Ucrânia assistem à conferência de imprensa do Presidente russo Vladimir Putin Fotografia © Reuters

O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse hoje que a única saída para a Ucrânia é através do “diálogo” e não através do recurso à força, uma opção que está a empurrar o país para “o abismo”.

Falando na sua habitual sessão de perguntas e respostas, transmitida através da televisão, Putin voltou a reafirmar a posição russa sobre a Ucrânia. Ao mesmo tempo, começava em Genebra, na Suíça, uma reunião entre os chefes da diplomacia dos EUA, UE, Ucrânia e Rússia. “Só através do diálogo, de procedimentos democráticos, e não utilizando as forças armadas, os tanques e a aviação, poderemos pôr ordem no país”, declarou Putin. “Em vez do diálogo eles começaram a fazer cada vez mais ameaças e lançaram os tanques e a aviação contra a população civil. É um crime grave por parte dos que estão no poder em Kiev”, acrescentou.

“Considero importante o início das negociações [hoje em Genebra] porque, em meu entender, é muito importante reflectir em conjunto sobre uma saída para a crise, propor um verdadeiro diálogo”, declarou. “Espero que se chegue a compreender que é para o abismo que se dirige o poder de Kiev e que, com ele, está a arrastar um país inteiro”.

Quanto à implicação de forças russas na instabilidade ucraniana, indicou: “Não há unidades russas no leste da Ucrânia. Nem serviços especiais, nem instrutores. São todos residentes locais”. No entanto, o líder russo reconheceu, pela primeira vez, que havia forças russas na península da Crimeia. “Atrás das forças de autodefesa da Crimeia estavam os nossos militares. Eles comportaram-se de forma bastante correta”, disse, sublinhando que “era preciso proteger as pessoas”. Putin declarou ainda que a NATO não lhe causa medo, respondendo a um jornalista que descreveu a Aliança Atlântica como um “tumor cancerígeno” em progressão.

“Nós não temos medo. Eu não tenho medo [da Nato] e ninguém deve ter”, declarou Putin, respondendo a um pedido de comentário do jornalista Dmitri Kisselev durante uma sessão televisiva de perguntas e respostas. “Nós podemos reprimi-los, porque é que tem medo?”, questionou o presidente. Dmitri Kisselev tem um programa ao domingo na televisão pública russa de tom bastante antiocidental e integra a lista de personalidades russas sancionadas pela União Europeia depois da anexação à Rússia da província ucraniana da Crimeia enquanto “figura chave da propaganda governamental”. AFP e Lusa, traduzido e editado por Patrícia Viegashttp://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=3817579&seccao=Europa&page=-1

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: