REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

O Que Sabemos É Que Nada Sabemos!

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em fevereiro 24, 2014

Cristal de zircão é a pedra mais antiga da Terra

  • Descoberta de pedra de 4,4 bilhões de anos sugere que planeta esfriou antes do que se imaginava e poderia estar habitável num período próximo a esta data

 Cristão de zircão de 4,4 bilhões de anos encontrado na região de Jack Hills, na Austrália Foto: REUTERS/ University of Wisconsin-MadisonCristão de zircão de 4,4 bilhões de anos encontrado na região de Jack Hills, na Austrália REUTERS/ University of Wisconsin-Madison

Jack Hills (Austrália) – Cientistas mostraram que um pequeno pedaço de cristal de zircão encontrado numa fazenda de ovelhas na Austrália é a mais antiga do planeta até agora, datada de 4,4 bilhões de anos. Publicada no periódico “Nature Geoscience”, a pesquisa indica que a crosta da Terra se formou relativamente logo após a formação do próprio planeta e que a pequena joia foi o que restou disto.

Para determinar a idade do fragmento de zircão, os cientistas primeiro usaram uma técnica que se baseia no decaimento radioativo do urânio. Depois, para confirmar a data, outro método, conhecido como tomografia de sonda atômica. A Terra se formou há 4,5 bilhões de anos como uma bola de rocha derretida, o que significa que sua crosta se formou depois, com cerca de 100 milhões de anos de diferença. A idade do cristal mostra ainda que a crosta apareceu 160 milhões de anos depois da formação do sistema solar. Segundo John Valley, professor de geociência da Universidade de Wisconsin, nos EUA, que coordenou o estudo, isto confirmaria a tese de que a Terra esfriou antes do que se imaginava, garantindo condições para a criação de oceanos e até da vida.

– Estamos interessados em saber quando a Terra se tornou habitável, quando ela esfriou o suficiente para possibilitar a vida – afirmou. A descoberta do cristão de zircão, e portanto da formação da crosta, data de 4,4 bilhões de anos, o que sugere que o planeta era capaz de ter vida microbiana há 4,3 bilhões de anos. – Não temos evidência de que a vida existiu neste período. E não temos evidência de que não existiu. Mas não há motivo por que a vida não poderia existir na Terra há 4,3 bilhões de anos – acrescentou. Os registros de fósseis mais antigos na Terra são de estromatólitos, de uma forma antiga de bactéria de cerca de 3,4 bilhões de anos.

O zircão foi extraído em 2001 na região Jack Hills, na Austrália. Para uma pedra de tamanha importância, é bastante pequena. Ela mede apenas cerca de 200 por 400 micrometros, duas vezes o diâmetro de um fio de cabelo humano:

– Se tiver uma boa visão, poderá vê-lo sem lupa.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: