REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Terrorista explodiu por acidente em demonstração para suicidas

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em fevereiro 12, 2014

Um instrutor de um grupo terrorista iraquiano explodiu-se acidentalmente quando demonstrava o funcionamento de um cinto de explosivos para usar em ataques suicidas. Morreram 21 candidatos a mártir e 15 ficaram feridos.

foto ReutersTerrorista explodiu por acidente em demonstração para suicidasElementos do Estado Islâmico do Iraque e da Síria durante um combate com o forças do exército iraquiano nas ruas de Ramadi

“Justiça divina”. Foi assim que um iraquiano comentou a forma como morreram 22 elementos do Estado Islâmico do Iraque da Síria (ISIS, na sigla original), na sequência de uma explosão auto-infligida.

“É Deus a enviar uma mensagem às pessoas más e aos criminosos do Mundo, a dizer-lhes para parar com a injustiça e trazer a paz. O mal não triunfará no fim. A vida vencerá sempre sobre a morte”, acrescentou Raad Hashim, em declarações ao diário norte-americano “New York Times” (NYT). O instrutor não foi identificado, mas pagou com a vida, dele e de mais 21 terroristas, a imprudência de usar explosivos verdadeiros numa demonstração com um cinto de explosivos para atentados terroristas. Além dos 22 mortos, há ainda a registar 15 feridos na explosão, na segunda.-feira, num complexo militar do ISIS, no nordeste da província de Salahuddin, segundo fontes da polícia e do exército iraquiano.

No local, as autoridades iraquianas encontraram várias caixas de explosivos, incluindo 10 carros armadilhados prontos a usar em operações suicidas, e ainda armamento pesado. Oito militantes foram detidos, quando tentavam escapar, anunciaram as autoridades. O Iraque está a enfrentar a pior vaga de violência dos últimos cinco anos, com mais de 9 mil mortos em 2013 e cerca de mil no primeiro mês de 2014. Os ataques suicidas são responsáveis por muitas dessas mortes. Segundo o NYT, em novembro de 2013, foram registados 50 ataques suicidas, contra os três de novembro de 2012. “O fenómeno do bombista suicida é uma insanidade total”, disse o congressista norte-americano Brett McGurk, numa audiência no senado dos EUA, sobre o Iraque, na semana passada.

O Estado Islâmico do Iraque da Síria (ISIS, na Sigla original) evoluiu de um ramo da al-Qaeda no Iraque para um grupo independente, desde que a liderança do grupo terrorista fundado por Osama bin Laden lhe retirou o apoio, e tem assumido um papel cada vez mais preponderante em ações armadas no país e na Síria. O ISIS, e outros grupos extremistas sunitas, conquistaram território na província ocidental de Anbar, tendo controlado, durante semanas, a cidade de Falluja e parte da capital provincial, Ramadi. A capital da província de Nineveh, Mosul, rica em petróelo, tornou-se no centro de financiamento de grupos extremistas, que obntêm milhões de euros com extorsão e outros esquemas criminosos. http://www.jn.pt/PaginaInicial/Mundo/Interior.aspx?content_id=3680565&page=-1

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: