REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Autoridades pedem desculpas por vídeo de homem nu

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em janeiro 23, 2014

As autoridades ucranianas pediram hoje desculpas após a divulgação de um vídeo na Internet que mostra um homem nu, na neve, a ser maltratado pelas forças especiais da polícia do país.

“O Ministério do Interior apresenta as suas desculpas pelos atos inadmissíveis de pessoas em uniforme num vídeo que mostra uma pessoa nua”, informou aquele departamento governamental em comunicado, acrescentando ter sido aberto um inquérito “a fim de determinar o lugar e o momento onde foram gravadas as imagens. O vídeo, publicado hoje no YouTube e imediatamente reproduzido pelos media da oposição, como o site Ukrainska Pravda, mostra um homem despido levado pela neve até uma carrinha da polícia por agentes com uniformes da brigada antimotim, alguns dos quais com capacete e encapuzados, armados de bastões.

Antes de entrar no furgão, o homem é obrigado a posar, com uma pá na mão, perante a câmara de um telemóvel ao lado de um membro das forças de segurança encapuzado. Este último agarra-o depois pelo pescoço e dá-lhe uma palmada na nuca. A vítima tem marcas de golpes nas costas. A oposição tem reiterado denúncias daquilo que qualifica como violência policial contra os manifestantes. A dispersão musculada de uma manifestação composta sobretudo de estudantes a 30 de novembro reforçou a mobilização dos partidários da oposição, que desde então exige a demissão do ministro do Interior e do presidente Viktor Ianoukovitch. Forças antimotim foram vistas por testemunhas a molestar militantes que lhes fazem face durante os confrontos de quarta-feira em Kiev, que fizeram cinco mortos.

Um jornalista russo do site Lenta.ru, que se encontra em Kiev, foi hoje de manhã interrogado e libertado após uma hora e meia de detenção, durante a qual diz ter sido obrigado a ajoelhar-se na neve e agredido. Um colega difundiu uma fotografia onde se vê Andreï Kisselev com o rosto inchado e as sobrancelhas ensanguentadas. Os protestos na Ucrânia agravaram-se nos últimos dias depois da aprovação pelo Parlamento de legislação limitando as manifestações e reforçando as sanções contra os manifestantes. Os violentos confrontos entre polícia e manifestantes que se registam desde domingo em Kiev fizeram cinco mortos e centenas de feridos. O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, manifestou-se na quarta-feira muito preocupado com a situação na Ucrânia, condenando a “violação sistemática de direitos humanos” e apelando para que Kiev “regresse ao caminho da democracia”. http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=3648733&seccao=Europa&page=-1

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: