REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

Licença de caça a rinoceronte-negro por 257 mil euros

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em janeiro 13, 2014

Já só há cerca de cinco mil rinocerontes da espécie
Já só há cerca de cinco mil rinocerontes da espécie Fotografia © DR

Clube de safari do Texas gerou polémica e muitos protestos ao vender ontem em leilão a primeira licença do género fora da Namíbia

Ainda o leilão não tinha começado, no Dallas Safari Club, no Texas, Estados Unidos, e já a polémica tinha estalado. Isso, e uma pequena multidão descontente à porta do clube não impediram, porém, que o evento fosse avante. O resultado foi a venda, por 350 mil dólares (cerca de 257 mil euros) da licença de caça de um rinoceronte-negro na Namíbia.

O clube texano garante que o rinoceronte alvo da licença de caça é um velho macho não reprodutor, que se tornou agressivo, e que a verba obtida com a venda será utilizada na proteção da espécie, que está neste momento “criticamente ameaçada”. Os ambientalistas são muito críticos e acusam o clube de “passar a mensagem errada” ao público.

“Este leilão transmite ao mundo a ideia de que um americano pagará não importa o quê para matar as suas espécies”, afirmou indignado, Jeffrey Flocken, o diretor regional para a América do Norte da International Fund for Animal Welfare (IFAW), citado na imprensa internacional. Restam hoje 1800 rinocerontes-negros na Namíbia, o que corresponde a um terço da população total desta espécie. Filomena Naves – http://www.dn.pt/inicio/ciencia/interior.aspx?content_id=3628716

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: