REPÚBLICA BANANA PEOPLE

Publique sua OPINIÃO Sem CENSURA! DENÚNCIE! Seja Um Colaborador!

População se Prepara para o Confronto em 2014

Posted by REPÚBLICA BANANA PEOPLE em janeiro 4, 2014

Dez mil homens serão escalados para trabalhar nas 12 cidades onde haverá jogos

Brasília – As 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014 contarão com tropa de choque de mais de 10 mil homens para agir em manifestações violentas. O grupo faz parte da Força Nacional de Segurança Pública. Parte dos homens esteve em ação durante a Copa das Confederações, cuidando da proteção aos acessos ao Maracanã para a final do torneio, e da visita do Papa Francisco ao Rio de Janeiro. A Força Nacional é usada como apoio pelos órgãos de segurança estaduais. Agora, os estados deverão concluir até o fim de janeiro o planejamento do que vão precisar de apoio federal e quais serão as missões dos agentes.
Os homens da Força Nacional recebem treinamento especial para agir em grandes manifestações. Durante a Copa, dez mil estarão nas ruas – Foto:  Antonio Cruz / Agência Brasil

Em nota, a Secretaria de Segurança do Rio de Janeiro informou que a Polícia Militar e a Polícia Civil estão se reunindo para definir o plano de atuação, mas os monitoramentos e a forma de trabalho são de caráter sigiloso. “É possível afirmar que, se a Inteligência julgar necessário o auxílio da Força Nacional, como já nos foi prestado em outras ocasiões, a Secretaria de Estado de Segurança não vê qualquer problema em solicitar ajuda ao governo federal”, diz o texto.

O especialista em Segurança Paulo Storani apoiou o reforço, mas alertou que a ajuda federal não pode ser tratada de forma política. “A Copa vai gerar visibilidade e é claro que vai ter baderneiro querendo aproveitar”. Para ele, as forças de segurança não podem ficar esperando a manifestação acontecer para reprimir. “A Polícia tem que investigar e impedir que grupos violentos se reúnam. Estamos em cima do laço”, disse.

O professor de Ciências Sociais da UFF Márcio Malta critica a possibilidade de usar a polícia contra manifestações com temas sociais. “O direito de protesto tem que ser respeitado. Não dá para dizer que todo mundo é baderneiro”, considerou. Ele disse que manifestações são comuns em grandes eventos. E lembrou que houve protestos nas copas da África do Sul (2010), da Alemanha (2006) e da Coreia do Sul e Japão (2002).

Protestos vão voltar já em janeiro

Pelo que parece, a Força Nacional e as polícias vão ter muito trabalho. O representante do Fórum de Lutas Contra o Aumento da Passagem, Gabriel Siqueira, disse que uma nova manifestação vai ocorrer ainda em janeiro. “Agora, eles vão querer proibir a gente de reclamar? Isso é uma vergonha. O governo quer esconder os problemas sociais que o país enfrenta. E está usando a polícia para fazer isso”, disse. O estudante da Uerj avalia que, se houver truculência, ela funcionará como um incentivo aos movimentos sociais. “Eles estão mostrando que não entenderam nada, que não ouviram a voz das ruas”. Siqueira diz que, nas manifestações no Rio, quanto mais a polícia batia, mais gente abraçava a causa. “Não tem como impedir o povo de ir para as ruas. Isso é um caminho sem volta. Ainda mais sabendo que a Copa vem antes das eleições”, afirmou.

Minirrobô vai espionar os black blocs

A Força Nacional vai contar ainda com um minirrobô espião, que poderá monitorar militantes do grupo Black Bloc. A geringoça consegue se infiltrar durante atos de violência para fazer filmagens e auxiliar na investigação dos envolvidos. As ações poderão ser acompanhadas em tempo real. http://odia.ig.com.br/noticia/brasil/2014-01-04/forca-nacional-vai-reprimir-os-protestos-durante-a-copa.html

Educação

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: